Revertendo o mal, agora!

A sensação de impotência frente a uma espécie de guerra que assola o planeta tem nos devastado. Em alguns lugares o conflito é escancarado, primitivo. Em outros é lento, como uma tortura que só o medo profundo produz. Mentalmente já estamos agonizando e emocionalmente muitos já estão em coma. Violência que mata rápido ou aos poucos, o que é pior? Como reagir? O que seria o antídoto que nos manteria vivos de corpo e alma nesse momento? Desesperadamente, não temos resposta para isso. Mesmo que a política melhorasse, que os governantes mudassem seus valores e a polícia conseguisse ser mais eficiente, ainda assim, teríamos que fazer uma grande mudança individual. Cada um TEM QUE fazer uma mudança nesse instante, pois o ‘daqui a pouco’ já seria tarde! Se mudar significa votar melhor, educar melhor, cuidar melhor, respeitar mais, amar mais, cada um de nós é que sabe o que precisa fazer, mas algo tem que ser feito. E agora!

Nature-

Trackback URL

2 Comments on "Revertendo o mal, agora!"

  1. Luziane
    02/10/2015 at 10:58 am Permalink

    Ketty,
    Como sempre consegue descrever exatamente como estou agora. Uma sensação de impotência, pois parece que nada que é feito como tentativa de mudar o “quadro” tem funcionado.
    Esta cada minuto mais difícil manter o centramento e elevar o pensamento. nos resta orar e orar e orar…

  2. Narayana Supramaty
    03/10/2015 at 2:04 pm Permalink

    Muito boa a postagem.
    Sugiro ler o livro ‘Por que fazer Terapia?’, ali menciona o erro que atribui as tristezas e crises existenciais comuns hoje em dia.

    Ps: Para que serve o símbolo pessoal do reiki? (aquele que surge na sua mente no dia de iniciação)

Hi Stranger, leave a comment:

ALLOWED XHTML TAGS:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Subscribe to Comments