Aprisionando os pensamentos

Quem nunca ficou preso a um pensamento só? Obsessivamente esse pensamento persiste, volta, se aprofunda, cria raízes, desenvolve-se em pensamentos piores. Assim se criam as formas-pensamentos, energias que se agregam de tal forma a nossa configuração energética que alguns até pensam se tratar de um ‘encosto’! Se você está neste momento aprisionado a algum pensamento, preste atenção nessas dicas:

1- Nós é que aprisionamos os pensamentos primeiro, depois é que eles nos aprisionam.

2- Pensamentos são como os pássaros, devem ir e vir em liberdade.

3- Qual a emoção (medo, prazer, vingança, etc) que está por trás desse pensamento persecutório?

4- A energia (tempo, emoções) que você gasta com essse pensamento, se fosse canalizada para uma solução ou para outras situações, lhe traria grandes benefícios.

5- Florais, Reiki e Aromaterapia são absolutamente excelentes e eficazes para corrigir esses padrões mentais e emocionais.

6- Em casos extremos, buscar ajuda terapêutica convencional muitas vezes é necessário, e até tomar medicamentos em momentos agudos ou de descontrole também, mas saiba que eles não vão curar a causa, apenas cessarão os sintomas. Uma investigação profunda e cuidadosa acompanhada de psicoterapia, nestes casos, pode ser a melhor saída.

Trackback URL

, , ,

No Comments on "Aprisionando os pensamentos"

Hi Stranger, leave a comment:

ALLOWED XHTML TAGS:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Subscribe to Comments