Seja sincero…

Porque será que temos que guardar tanta coisa dentro do nosso coração? Será pelo medo de mostrar que não somos tudo aquilo que o outro pensa de nós?

Se prestarmos atenção, quando guardamos coisas mal resolvidas dentro de nós, a nossa pele se enruga, nossa boca e nosso estômago se retorcem e exalamos cheiro de coisa velha. A nossa luz é trocada por uma nuvem densa, e o que eu não queria mostrar antes fica transparente e distante de daquela luz que enxergavam em mim antes.

Resolver problemas com pessoas que fazem parte da minha história, e que por algum motivo suas palavras e atitudes me magoaram, é manter o equilíbrio da relação. Tenho, assim como ela, a liberdade de dizer o que eu sinto sobre seu gesto e até mesmo reclamar de sua postura comigo. Não podemos esquecer que, quando as pessoas são importantes para nós, não conseguimos fazer de conta que não estamos vendo aquilo que por algum motivo essa pessoa importante não consegue ver, até porque economizaria algumas sessões de terapia.

Geralmente, nós evitamos perguntar coisas a nossa mãe, porque já sabemos o que ela vai dizer, e como não é o que queremos ouvir não perguntamos. O problema é que perguntamos e desabafamos com pessoas mais próximas que talvez tivessem respostas e atitudes parecidas com as da nossa mãe, e precisamos estar preparados para tomar essas palavras e atitudes com sabedoria.

Beijos Floridos e que possamos usar nossa Inteligência Emocional.

Trackback URL

3 Comments on "Seja sincero…"

  1. Cláudia
    29/08/2011 at 2:49 pm Permalink

    Em boa hora este texto Carmem, isso só vem pra confirmar de quanto estamos conectados. Final de semana tive momentos assim de que gostaria de ser sincera com a minha mãe. Infelizmente nos poucos momentos que tive a oportunidade ela reagiu como vítima da situação. A partir daí vou mudar a tática, até me encontrar com ela novamente e proceder com maior clarreza sobre mim para defender o que sinto.
    Bjs de Luz no teu coração com saudades.
    Cláudia.

  2. Zelly
    29/08/2011 at 10:09 pm Permalink

    Carmen!
    Maravilhoso texto!! Que tanto ainda temos que aprender como humanos a conviver… se aprendermos a ser sinceros, não deixamos nossos “pedaços” espalhados por aí… e outra coisa: como é fácil projetar nos outros nossas dificuldades!! 🙁
    Beijos de luz no coração,
    Zelly

  3. Taís
    01/09/2011 at 12:26 pm Permalink

    Muito bom!!! bjss

Hi Stranger, leave a comment:

ALLOWED XHTML TAGS:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Subscribe to Comments