Série Dimensões: 7D (Sétima Dimensão)

Agora começa a ficar mais distante… já estamos na vizinha Andrômeda! Apertaram os cintos? A 7D é um reino de som cósmico que gera as formas geométricas em 6D por ressonância vibracional.

Hã? Não entendi nada!

Lembra do exemplo no texto anterior sobre o prato de cobre e os grãos de areia que formam figuras geométricas? Pois o som emitido no prato é a 7D! Agora veja essa: a informação galáctica circula no universo através de vias de luz em cinturões de fótons que pulsam gerando códigos de luz que contêm informações divinas. Querido leitor, na primeira vez que eu li isso, também pensei que nunca mais iria desemaranhar meus neurônios. Eles se esforçaram para compreender algo que vai além da realidade 3D apesar de estar conectada com ela. Respira! Pensa grande… beeeem grande! O jeito é imaginar que existem ondas de luz assim como uma transmissão via rádio, via satélite, microondas… tudo são ondas, transmitem informações e calor. A gente não vê, mesmo que essas estejam bem próximas de nós. As vias da 7D preenchem o universo com vibrações de som cósmico e despertam nossa memória celular através dele. Por isso o som é utilizado em terapias energéticas, seja voz humana, instrumentos, sons da natureza e dos animais.

Andrômeda, a guardiã da 7D, ajuda os humanos a se recordarem como viver em harmonia, pois seu sistema solar é muito parecido ao nosso. Essa galáxia é a única que está se aproximando da Via Láctea. Há, segundo os pleiadianos, um planeta similar à Terra, porém nunca sofreu um cataclisma. O chakra humano correspondente à 7D é o chakra do terceiro olho (ajna). É a nossa capacidade telepática: podemos nos conectar com uma pessoa do outro lado do planeta enquanto que com a nossa voz, no máximo, se gritarmos muito alto, podemos fazer alguém do outro lado da rua nos ouvir.

Vai dizer que você nunca pensou em alguém que, no mesmo instante, telefonou para você? O som cósmico, de fato, é mais rápido!

Trackback URL

One Comment on "Série Dimensões: 7D (Sétima Dimensão)"

  1. Raquel
    28/07/2009 at 11:06 pm Permalink

    Puxa!!! Realmente esse assunto requer muito discernimento.

Hi Stranger, leave a comment:

ALLOWED XHTML TAGS:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Subscribe to Comments