Anjos tutelares

Cada haste de relva tem seu anjo que se inclina sobre ela e sussurra; “cresce, cresce!”
– Talmude

O conceito de anjos dentro da Cabala é um tanto quanto diferente do conceito de “anjo da guarda” que nos é tradicionalmente passado. Os anjos, chamados em hebraico de melakhim (mensageiros), são os condutores da energia divina através de diversas dimensões. De acordo com antigos cabalistas, foram eles – os melakhim – os auxiliares de Deus na construção do universo.

Anjos têm a energia necessária para nos impulsionar em direção a determinado objetivo, mas nada podem fazer por nós no plano físico. São como o combustível que faz um veículo se mover. Por isso rezamos sempre para que os anjos nos iluminem e ajudem e nunca para que tragam determinada coisa até nós ou mesmo cumpram aquilo que devemos executar.

Tá, mas e os anjos tutelares do título do post? Bem, pra explicar os anjos tutelares eu vou ter de explicar antes um pouco da organização celeste.

Cada anjo rege um dia na Terra. Como são 72 anjos, o ciclo se repete a cada 72 dias. A isso chamamos de rotação. E os anjos por rotação são nossos anjos emocionais. Mas ciclos de 72 dias não fecham os 365 dias do ano. Pois é, não fecham. No máximo dá 360 – e sobram 5 dias.

Se alguém pensou naquele conceito tapa-buraco estapafúrdio dos “anjos da humanidade” não precisa nem continuar a ler esse texto.

Vocês conseguem conceber, num universo absolutamente perfeito e ajustado como o nosso, que Deus deixaria simplesmente 5 dias para que as pessoas “escolhessem” o seu anjo?!

Nem eu.

Pois bem, temos um cálculo a ser feito de acordo com o mapa astrológico natal de cada pessoa que nos diz qual é o anjo tutelar que a acompanha. Esse anjo é chamado de anjo físico. Além disso, de posse do horário exato do nascimento de cada pessoa temos o chamado anjo mental.

Portanto, nossos anjos tutelares são os anjos físico, emocional e mental. Cada um deles tem uma missão e atributos a nos oferecer, e como o próprio nome nos diz, tratam  cada um – de nossas emoções, pensamentos e atuação nesse plano.

Num próximo post, eu falo mais sobre eles.

Trackback URL

,

No Comments on "Anjos tutelares"

Hi Stranger, leave a comment:

ALLOWED XHTML TAGS:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Subscribe to Comments