Aviso de cancelamento!

Aviso de utilidade xamânica: hoje, excepcionalmente, não teremos a Roda Xamânica. Gratos pela compreensão.

 

Continue reading

Ingratidão: coisa bem feia!

Ao conquistar algumas coisas na vida, sejam elas materiais ou emocionais, penso que é importante celebrar. A celebração marca um ‘dar-se conta’ de que você foi vitorioso naquilo que buscava, possibilita compartilhar alegrias e se liberar para uma nova etapa.

Tudo certo, tudo bacana, mas, e a gratidão pelos que lhe apoiaram? Porque sempre temos aqueles que nos auxiliam em nossos processos, não é verdade? Ou será que alguém aí acha que só consegue as coisas pelo seu único e sobrenatural esforço pessoal?

Que fique claro que não me refiro ao apoio recebido em terapia, pois isso é o foco dessas relações profissionais! Falo das relações de vínculo de amizade, familiar e emocional.

As pessoas costumam dizer que a inveja é uma m…, pois quem fede desse jeito, pra mim, é a ingratidão. Que coisa bem feia ver pessoas desconsiderarem o apoio que receberam! Pedem ajuda o tempo todo, criam relações onde só suas histórias é que importam, falam apenas em si mesmos e depois se vangloriam de ser ‘o cara’. Alguns até falam “Ah é, tal pessoa me deu uma ‘mão’ naquela época…”, muitas vezes mais por educação do que por reconhecimento sincero. Raro é encontrar quem realmente mantém a gratidão viva.

Como diz o ditado popular “cuspir no prato que comeu” é uma coisa muito deselegante, e precisamos sempre lembrar que a vida costuma retribuir…

Continue reading

Em 2015…

2015

Continue reading

Feliz 2015

Continue reading

Em 2014 foi assim…

O ano de 2014 da Casa do Conhecimento em algumas imagens…

https://www.youtube.com/watch?v=__shay3D-og

Continue reading

Só observo…

amorPenso que antes de a gente encarnar temos algumas combinações de encontros para podermos, juntos, realizar os planos aqui na Terra. Porém, muitos chegam aqui e recuam, usando padrões antigos que dificultam suas evoluções. Quando alguns contratos de Alma se quebram, todos a volta perdem e tenho sido testemunha de vários deles. Eu só observo e calo, mas já sei o que vai acontecer… A dor espera ali na esquina aqueles que se relacionam afetivamente baseados em enganos, mentiras, obsessões, desrespeitos e infantilidades. E esses, por vezes, ainda esperam o perdão dos outros. Peçam perdão a si mesmos queridos, vocês vão precisar.

Os caminhos da fantasia, do romance com esforço e dos desejos são muitos, já os caminhos do coração são poucos. Alguns encontros proporcionam elos perfeitos, abençoados, que fazem a energia vibrar alta e contaminar outras pessoas, ambientes e esferas. Outros são como elos amaldiçoados, que nascem das mais densas vontades, crescem sujos e inférteis de vibrações sutis, apenas multiplicando energias doentes. Não fazem bem nem para o casal que se engana dizendo que sim, e muito menos acrescenta Amor ao mundo. ‘Amor’ que já nasce com sentimentos ruins a sua volta pode até não ser amor. Amor de verdade não dói, não engana, não é ‘difícil’ – e seria tão bom que todos tivessem consciência disso!

Somos todos feitos para o Amor, ninguém é mais merecedor ou menos. É preciso se disponibilizar e seguir seu coração. Não tenham medo da solidão, isso pode apenas significar que você está muito bem protegido, pois nem sempre estar sem um par é estar sozinho, assim como, nem sempre estar com alguém é ter um companheiro de verdade. Observe bem, o verdadeiro relacionamento de Amor começa exatamente dentro de você…

Continue reading

Sobre gente

Curiosa ao terminar de ler uma crônica da Martha Medeiros no jornal Zero Hora, eu fui conhecer o site indicado por ela. Clique nos filmes, ali há uma série de temas abordados por várias pessoas que dão seus depoimentos francos das suas lindas histórias. De verdade? Coisas que tocam a alma. Um dos trabalhos mais lindos e emocionantes que já vi, para gente que gosta de gente…

http://www.7billionothers.org/

Continue reading

Não perca seu rumo!

E como o fim de ano deixa tudo e todos muito mais agitados, tente não se contaminar e encontre seu rumo.

 

Continue reading

Céu Astrológico da Semana: 01 a 07/12/2014

* Os horários aqui citados já estão corrigidos para o horário de verão vigente na maioria dos estados brasileiros.

Segunda-feira 01 de dezembro: hoje a pressa levanta da cama junto com a gente. Mercúrio continua tenso com Netuno nos proporcionando distrações e gafes! E o Sol, Mercúrio e Vênus em Sagitário estão super harmonizados com a Lua em Áries e também com Júpiter em Leão, ou seja, pensamento positivo, ânimo e empolgação para enfrentar as possíveis dificuldades amparam o nosso humor neste primeiro dia do último mês do ano. E, ao mesmo tempo, Marte em Capricórnio ainda está amigo de Saturno em Escorpião (até 04/12) impondo alguma cautela nas nossas ações – o que pode ser bem útil para contermos os excessos de confiança – o céu está nos dando uma mãozinha, agora é só saber dosar as vontades com o comprometimento. A noite tem também a Lua juntinha de Urano deixando todos mais suscetíveis a mudar o rumo do que está programado e alterar os humores! Criatividade e intuição em alta!

Terça-feira 02 de dezembro: a Lua em Áries já amanhece toda linda em um belo relacionamento com Júpiter e com Vênus, o que nos incentiva passar dos limites do bom senso. Vontades imensas, indulgências, gastos excessivos, paixões fulminantes (ou nojinhos) por pessoas ou coisas, entusiasmo desmedido, são alguns dos ‘efeitos especiais’ do dia. Quem conseguir segurar essa força com braços fortes, pode canalizá-la para situações de produtividade real! Mas a partir do final da tarde a Lua encrenca com Marte e a irritabilidade e a impaciência podem substituir toda aquela animação da manhã. Comece a pisar no freio dos humores para não ‘atropelar’ alguém…

Quarta-feira 03 de dezembro: no meio da madrugada a Lua ingressa no signo de Touro e depois passa a manhã em harmonia com Netuno em Peixes. Um breve oásis de calma depois de dois dias de forte turbulência emocional. Encontre um momentinho para respirar fundo e perceber suas reais necessidades sem estar sendo levado por um jorro de exigências alheias ao seu ritmo interior. Se possível opte por atividades menos intensas e pratique um pouquinho o silêncio. A noite tem a Lua em amizade com Plutão em Capricórnio. Introspecção saudável.

Quinta-feira 04 de dezembro: o dia nos brinda com certo desconforto frente a vontade de sossegar e ser simples (Lua em Touro) e o tanto de ostentação e vaidades (Vênus em Sagitário em exato trígono com Júpiter em Leão) que o momento apresenta. E uma onda de rebeldia surge, pois o Sol em Sagitário conjunto com Mercúrio está em ótima e exata configuração com Urano retrógrado em Áries, ou seja, canais de percepção abertos e receptivos e muita, muita vontade de dar um chute naquilo que é mesmice e tédio na vida. Momento ápice do sentimento de ‘chega de repetição!’ que temos vivido nos últimos dias. As aventuras, ousadias e atrevimentos nos abanam alegremente – você vai encarar? Apenas não esqueça das consequências que virão. A noite ficamos mais sérios e preocupados, já que a Lua enfrenta Saturno em Escorpião e nos faz encarar os próprios medos emocionais. Perto das 21h o planeta Marte rompe sua postura que andava cautelosa e se joga para o signo de Aquário (até 11/01) renovando posturas e desbravando horizontes. Quem poderá nos salvar de tanta vontade de se soltar?

Sexta-feira 05 de dezembro: depois das 08h a Lua ingressa em Gêmeos e se harmoniza com Marte recém ingressado em Aquário, bom para sair da rotina, para as atividades em grupo e para se libertar de algumas velhas zonas de conforto. Perto do almoço a Lua se desentende com Netuno e aumenta a nossa dificuldade em manter um foco, portanto, esteja esperto, pois as fofocas, distrações e imprevistos são fortes possibilidades neste dia. Busque a coerência que a Alma pede, pois a mente – e suas tantas razões e argumentos – muitas vezes mente para nós…

Sábado 06 de dezembro: exatamente as 10h26m acontece a Fase Cheia da Lua – Sol a 14º17′ de Sagitário e Lua a 14º17′ de Gêmeos. Momento mensal de empolgação e muita energia a disposição de todos! E os outros desenhos do céu também apontam para bastante inquietude aqui na Terra… Agitação, mudanças de ares, busca de si mesmo. Sair da teoria para prática, aplicar os conhecimentos e fazer a diferença. Evite a dispersão e dedique seu dia a ancorar um pouco mais de coerência entre o que você fala e o que você sente.

Domingo 07 de dezembro: o dia amanhece com a Lua em Gêmeos se opondo com Vênus em Sagitário, fazendo a manhã ser de reflexão quanto aos valores, por vezes desmedidos,  que temos colocado nas nossas relações. Reavalie. Depois das 15h a Lua ingressa para seu lar, o signo de Câncer, e intensifica a necessidade de acolhimento e resguardo. A noite chega com a Lua em harmoniosa posição com Netuno em Peixes, sensibilidade, compaixão e solidariedade – bons sentimentos para se cultivar no coração e iniciar bem a próxima semana.

Bênçãos e Luz das estrelas para todos nós…

Continue reading

, , , , , , ,

A busca pela tal felicidade

Claro que não vai faltar quem jure que foi a musa/muso inspirador das minhas palavras aqui, mas, quem dera fossem apenas um ou dois ou cinco… O que me motivou a escrever esse texto foi a necessidade de expressar o meu assombro frente ao imenso movimento de pessoas que passam por cima de tudo, inábeis e violentamente desesperadas atrás da própria felicidade. Minhas palavras até parecem contraditórias, não é? E são, pois felicidade e violência não deveriam morar na mesma frase, nem no mesmo coração. Porém, a realidade mostra que há pessoas pagando qualquer preço e entrando numa espécie de ringue onde as coisas se resumem a conseguir uma ‘vaga’ no rol de pessoas felizes, nem que para isso seja necessário bater e apanhar, corromper regras sociais e morais e tudo aquilo que foi construído (por essas mesmas pessoas e suas escolhas) até então. Felicidade x desrespeito. Alegria x luto. Ganância x desconsideração. Paixão x abandono.

Não estou falando apenas de felicidade romântica ou a dois. O que me deixa perplexa e assustada abrange desde a felicidade dos políticos que enriquecem porque nos roubam todos os dias, até a felicidade que alguns sentem por desistirem dos contratos que a Alma fez antes de encarnar. Ainda não consigo enxergar em que ponto essa tal felicidade de um deve desconsiderar a infelicidade de tantos. A fortuna de alguém é algo maior do que paixonites, status, dinheiro e o sentimento imaturo e perverso de se sentir mais especial ou merecedor do que os outros…

E será que dá para acreditar que essa momentânea felicidade adquirida por esses métodos vai permanecer na vida de alguém por muito tempo, mesmo depois de terem sido corrompidas tantas leis espirituais? O tempo vai nos responder isso, tenho certeza.

Continue reading

prev posts